O “Faça você Mesma” que deixa seu cabeleireiro de cabelo em pé!

Seu cabelereiro nunca vai te dizer isso, mas eu vou: consertar a "obra de arte" dos outros é um saco.

Por em , ,
0 0 0 Sem comentários

mechas-0

Você é daquelas que que adora dar um tapa no visual mas odeia gastar aquela grana no salão?
Olha, super te entendo, a coisa não tá fácil pra ninguém.
Mas antes de mergulhar no Youtube e se jogar nos métodos caseiros pra encarar um procedimento agressivo no cabelo, vamos falar sério sobre aqueles resultados que ninguém fez vídeo?


Eu bati um papinho de pé de ouvido com Círio Sens, que é um profissional que eu amo de paixão e é quem cuida das minhas madeixas, sobre o quão frequente e grave é o “conserto do faça você mesma”. E Adivinhem? O que tem de mulheres adultas fazendo toda espécie de aventura nos fios, não tá escrito. E pior: gastando muito mais pra tentar reverter o quadro.
Vou listar algumas coisas que seu cabeleireiro arranca os cabelos quando você faz e porque.

Fazer mecha em casa sozinha


Socorro!!! Gente, descoloração é um procedimento tão arriscado pra uma pessoa sem nenhuma experiência fazer sozinha, que nem sei como puxar a orelha de vocês. Tudo pode acontecer: seu cabelo pode ficar manchado, queimado, puído, dar corte químico e até cair total.

Ah, mas a fulana fez sozinha na internet e ficou lindo? Ok, a fulana pode ter tido sorte, pode ter testado duzentas outras vezes em outras oportunidades antes de fazer um vídeo, ela pode levar jeito pra coisa, o cabelo dela pode ser um cabelo fácil e super resistente… enfim, pessoas são diferentes, tem cabelos diferentes, reações diferentes e habilidades diferentes. Nem sempre o que dá certo pra sua amiga, dá certo pra você.

E o pior é que pra consertar é super complicado porque o cabelo já está fragilizado, já arrepiou e aqueceu em diferentes lugares, e acaba se partindo inteiro. Daí o profissional tem que separar todo o cabelo atingido e tentar reparar o dano com um novo procedimento e torcer pra que seu cabelo aguente. Tem noção da responsabilidade que você tá jogando nas mãos dele? E que o que sair daí vai ser sempre uma “disfarçada” e nunca um “resultado desejado”?

Tentar mudar a cor


Se você faz uma coloração que é só um retoque de raiz, precisa de uma manutençãozinha pra manter o brilho aqui e ali, ok. Mas tentar mudar totalmente a cor de forma caseira é pedir pra manchar o cabelo. Pode dar certo, sim. Mas também pode dar muito errado. A raiz sempre vai reagir diferente das pontas. E se ele já tiver uma tinta anterior, pode sair uma coisa completamente diferente do que você imaginou.

Ah, a imaginação também é um problema… lembre-se que as fotos que te inspiraram a fazer essa cor, normalmente são fotos tratadas, tem luz especial, filtro, photoshop, tem o cabeleireiro lá passando mil coisas no cabelo da modelo…

De qualquer forma, se você tentou e deu errado, procure imediatamente um profissional. Nada de ficar aplicando uma tinta por cima da outra pra ver se agora vai…

Cortar o cabelo em casa


Com exceção daquele corte onde você vira o cabelo todo pra baixo, e sai aparando as pontinhas, que tem pouquíssimas chances de dar errado, o resto nada é aconselhável. Especialmente as franjas. Nada de pegar sua tesourinha de unha e fazer uma trilha na testa por favor!

Tesouras pra corte de cabelo são específicas e cortes exigem técnicas. Não dá pra ver um tutorial e sair achando que é o Edward Mãos de Tesoura. Tem que pensar também que se for preciso consertar, dificilmente você vai querer mexer ainda mais no comprimento, por que você já mexeu. Aí o profissional é obrigado a dar só uma “ajeitadinha no corte” e ainda tem que assinar essa belezura! Porque normalmente as moças esquecem de dizer que a “arte” principal foi delas.

Quem me conhece ou acompanha meu trabalho, sabe que eu amo fazer toda espécie de confusão no meu cabelo. Sou tipo: “É novidade? Combina comigo? Vamos fazer!”, mas sempre sob a orientação de um profissional.
Não tô fazendo terrorismo, nem me posicionando contra os tutoriais. Muito pelo contrário, adoro saber coisas novas, experimentar e compartilhar informação também. Mas tem certas coisas que acho que merecem um pouco mais de bom senso e responsabilidade.
A grana tá curta? Procure as promoções oferecidas pelo salão que você frequenta, ou até procure um salão menos badalado, mais em conta e que faça um bom trabalho também. As mulheres geralmente tem uma relação muito especial com seus cabelos! E submetê-los a possíveis resultados catastróficos não é legal nem pra você, nem pra quem vai consertar: dá muito trabalho, sai muito mais caro e o resultado nunca é satisfatório, é só “melhor do que tava antes”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *